A Carregar. Por favor, aguarde...


Atualizações mensais da Clínica

NOTÍCIAS E INFORMAÇÃO

Saiba aqui tudo o que se vai passando a nível da Clínica Dentária.


245208301_4571143206239185_5396631888544994314_n.jpg

Correta higiene oral do aparelho dentário invisível é essencial para prevenir infeções.
O seu aparelho dentário invisível Invisalign precisa de cuidados de higiene diária.
✔️Primeiro passo: passar o aparelho em água morna (atenção: a água quente pode danificá-lo).
✔️Segundo passo: passar uma escova, verificando com atenção a possível existência de partículas, tanto no interior, como no exterior do aparelho.
✔️Terceiro passo: colocar o aparelho sob água morna a correr, eliminando todos os resíduos existentes.
✔️Quarto passo: secar bem o aparelho.
Após a limpeza do aparelho, faça a sua higiene oral. Tenha atenção às partículas presentes nos dentes e certifique-se de que as removeu totalmente.
Feitos estes passos pode colocar o aparelho novamente. ✔️✔️
Tem ainda alguma questão? Quer também poder ter o seu sorriso com INVISALIGN ? marque já a sua avaliação ortodôntica !!
🦷 251 826 356
🦷Avenida de S Teotónio, Edifício Status, 1º andar 58-63
4930-594 Valença

245466222_4571212926232213_5648327849786999349_n.jpg

Os implantes dentários são a solução que mais se aproxima dos dentes naturais
Os implantes dentários requerem praticamente a mesma manutenção que os dentes naturais, mesmo em casa. É aconselhada uma boa higiene oral, escovando os dentes entre duas a três vezes por dia, e visitas regulares ao dentista para uma boa limpeza profissional.
Perigos da má manutenção dos implantes
Uma má manutenção dos implantes pode ter consequências devastadoras para a sua boca, resultando na acumulação de placa bacteriana que acaba por danificar os tecidos que suportam os implantes e pode comprometer os restantes dentes. Em última instância, uma má higiene oral pode resultar em doenças das gengivas e peri implantite e obrigar à remoção dos implantes.
Como fazer uma boa manutenção dos seus implantes?
✔️Escove os dentes pelo menos 3 vezes por dia;
✔️Utilize fio dental nas zonas possíveis;
✔️Utilize uma máquina de jato de água para obter melhor higienização;
✔️Utilize elixir oral;
✔️Utilize escovas interdentárias para remover os restos alimentares e bactérias entre os dentes;
✔️Escove muito bem todas as regiões da boca incluindo a língua, as gengivas e o céu-da-boca;
✔️Utilize uma escova macia e não faça muita pressão;
✔️Utilize uma pasta de dentes aconselhada pelo seu dentista.
Colocar implantes fixos significa poder voltar a comer, rir e sorrir com confiança. Se já passou por este processo, não deite fora o que atingiu até aqui. Só sabe o que é não ter dentes quem já os perdeu. Insira uma boa higiene oral na sua rotina e deixe para trás os problemas relacionados com a dentição.

244997842_4561811500505689_5457365961898349416_n.jpg

A falta de osso ou perda óssea na nossa dentição, principalmente na zona maxilar, é uma das razões mais frequentes que impossibilitam várias pessoas com falta de dentes a recorrer à colocação de implantes dentários, tendo assim que recorrer a soluções removíveis.
A técnica All-On-4 (vulgarmente conhecida como Carga Imediata) vem oferecer a essas mesmas pessoas a hipótese de ter uma prótese fixa, dado que existe uma colocação de quatro implantes dentários (dois de cada lado) na zona mais anterior dos maxilares, escapando assim a zonas onde possa já não existir osso, é aí onde vai assentar uma prótese fixa completa.
Este tratamento é feito em duas fases distintas:
1 – Primeiramente é feita uma avaliação detalhada de forma a serem definidos vários pontos importantes como: qual o exato local onde serão colocados os implantes, características e dimensões dos mesmos e também é feita a construção da prótese tendo por base estas informações;
2 – Na segunda fase é realizada uma pequena intervenção cirúrgica por forma a serem colocados os implantes e a prótese.
Dê qualidade à sua vida, marque já uma consulta de avaliação !!
🦷 251 826 356
🦷Avenida de São Teotónio, Edifício Status
1º andar 58-63
4930-594 Valença

244370637_4555770261109813_5267896140505127453_n.png

Já toda a gente por algum motivo ouviu o termo “tártaro” no que toca à medicina dentária, mas afinal, o que significa?
Quando não existe a prática de uma boa higiene oral, a placa bacteriana (que costuma ser incolor) acaba por se acumular e ir endurecendo ao longo do tempo, dando origem a uma calcificação. O tártaro é nada mais nada menos do que esta calcificação da placa bacteriana, que costuma formar-se na superfície do dente e ter uma cor amarelada ou acastanhada.
Este problema deve ser tratado rapidamente, para evitar complicações relacionadas como:
Mau hálito;
Irritação das gengivas;
Favorecimento do aparecimento de cáries;
Possível perda de cor dos dentes;
Tornar a higiene oral mais difícil;
Possibilidade de aparecimento de periodontite;
A remoção eficaz do tártaro apenas é possível ser feita num dentista, contudo a prevenção do aparecimento do mesmo depende dos hábitos que temos diariamente.

243290266_4539292299424276_959336697202956117_n.jpg

Saiba tudo sobre estes tratamentos de reabilitação oral
São cada vez mais as pessoas que em Portugal sofrem de falta de dentes. De facto, segundo a Ordem dos Médicos Dentistas, mais de metade da população portuguesa tem falta de dentes naturais e na maior parte dos casos não tem dentes de substituição.
Assim torna-se importante perceber que a falta de dentes é algo a evitar na vida de cada um, dado que origina problemas de saúde física, provocando, por exemplo, o desalinhamento do resto dos dentes, cáries, bem como dificuldades na mastigação dos alimentos. A falta de dentes também tem impacto na nossa saúde emocional, causando mau estar e perda de autoestima.
Como solução para a dentição incompleta temos dois tipos de tratamento diferentes: Próteses e Implantes dentários.
-Próteses Dentárias
As próteses dentárias podem ser fixas quando aliadas a implantes dentários, semifixas ou removíveis, sendo estas vulgarmente conhecidas como placa ou dentadura. Esta solução acaba por ser um componente artificial que tem como objetivo colmatar a ausência de peças dentárias, podem ser aplicadas numa boca sem dentes, sobre dentes ou sobre implantes.
-Implantes Dentários
Já os implantes dentários são dispositivos médico-cirúrgicos que são aparafusados ao osso do paciente com o intuito de substituir de raiz o dente ausente, podem servir para substituir apenas um dente, um conjunto de dentes ou uma arcada completa (aliado a uma prótese dentária).
Tanto as próteses dentárias como os implantes dentários têm a si aliadas vantagens e também desvantagens, sendo que a indicação de cada um destes tratamentos deve ser feita por um médico dentista, tendo em conta todos os detalhes do caso clínico.

243037969_4528289817191191_3685003720259415356_n.jpg

As coroas e pontes dentárias são próteses fixas colocadas para preencher o espaço deixado pela lesão ou falta de dentes. As coroas e pontes evitam problemas com inflamações e deslocamentos dentários, e ajudam na aparência do dente. As principais vantagens das coroas e pontes dentárias são a recuperação da função e da estética do seu sorriso, garantindo que possa sorrir sem apresentar falhas ou ausência de dentes.
Diferenças entre coroas e pontes dentárias?
Coroas dentárias
As coroas são próteses parciais indicadas para pacientes que perderam apenas uma parte do dente. Assim, se teve uma lesão, cárie ou fratura num dente, as coroas ajudam a restabelecer a anatomia do dente, recuperando a estética e a função. As coroas correspondem a apenas um dente e podem assentar sobre um implante dentário ou um dente.
Pontes dentárias
As pontes servem para substituir a ausência de um ou mais dentes, seja por acidente, idade ou enfraquecimento dos ossos. Da mesma forma, também podem assentar sobre um dente ou implante. As pontes evitam problemas como a gengivite ou alterações na posição dos dentes. Para além disso, tal como as coroas, harmonizam o seu sorriso e ajudam a recuperar a função mastigatória.
Ainda com dúvidas ?! Marque já a sua avaliação connosco !!

243382375_4531616126858560_3612378227437561798_n.jpg

A visita regular a um médico dentista é importante para evitar o aparecimento de doenças. Na consulta é realizado um maior controlo do estado em que se encontra a saúde oral do paciente, procedendo-se à eliminação de placa bacteriana que se acumula entre os dentes e ainda ao diagnóstico de cáries ou problemas nos tecidos moles da cavidade oral, de forma a evitar complicações futuras.
A regularidade com que deve visitar o médico dentista é um elemento-chave para o bem-estar da saúde oral. Antigamente, a ida ao médico dentista era feita em último recurso, como nos casos de emergência. Hoje, os controlos regulares são essenciais para garantir um sorriso bonito, limpo e saudável.
Infelizmente, cerca de 32% da população portuguesa não frequenta o dentista, ou frequenta menos de uma vez por ano. Dessa percentagem, 66% dizem não sentir necessidade em fazê-lo por não sentirem dor ou desconforto.
Não espera pela dor !! Escolha sempre a PREVENÇÃO !!

241940988_4496158780404295_9172152132879645150_n-1200x523.jpg

A remoção da placa bacteriana é o método mais eficaz de prevenir o aparecimento quer de problemas gengivais quer de cáries dentárias.
Um especialista em Higiene Oral será o mais indicado para lhe indicar quais os meios e métodos mais eficazes de remoção de placa bacteriana.
A escovagem, a utilização de fio dentário e/ou escovilhões interdentários e o uso de um dentífrico fluretado são fundamentais. A escovagem deve ser feita sempre a seguir às refeições e imediatamente antes de ir deitar, pelo menos 2 vezes ao dia e a passagem do fio dentário à noite.
Cuidados a ter na escovagem e com a escova? O tamanho da escova dever ser adequado ao tamanho da boca.
A escova deve ter cerdas macias ou médias.
Trocar de escova de 3 em 3 meses.
Usar um dentífrico fluoretado.
Após a escovagem, lavar a escova e colocá-la com as cerdas viradas para cima.
A escova é individual.
Faça já a sua avaliação e saiba como está a sua saúde oral !!

241700698_4482912725062234_1874412695923677504_n.png

Peridontologia é a especialidade Dentária que se dedica ao diagnóstico e tratamento das doenças que afetam os tecidos de suporte dos dentes.
As doenças periodontais mais comuns são a Gengivite (inflamação da gengiva) e a Periodontite (inflamação que leva a perda de osso e gengiva) . Existe uma prevalência elevada destas doenças na população, daí ser fundamental a observação periódica por um profissional de saúde oral para um diagnóstico precoce da doença periodontal. A Periodontite é a principal causa de perda de dentes em adultos.
As doenças periodontais mais comuns são a Gengivite (inflamação da gengiva) e a Periodontite (inflamação que leva a perda de osso e gengiva) . Existe uma prevalência elevada destas doenças na população, daí ser fundamental a observação periódica por um profissional de saúde oral para um diagnóstico precoce da doença periodontal. A Periodontite é a principal causa de perda de dentes em adultos.
SINTOMAS A TER EM ALERTA:
-Gengivas que sangram à escovagem e/ou à utilização do fio dentário.
-Gengivas que se encontram descoladas e/ou retraídas dos dentes.
-Aparecimento de pus entre as gengivas e dentes.
-Mobilidade dos dentes e/ou alteração da posição dos dentes.
-Halitose constante e/ou mau sabor na boca.
-Sensibilidade dentária aumentada.

logotipobanner drvitordemo2aasmall

Localizada no centro de Valença, a Clínica Dentária Dr. Vítor Oliveira tem mais de 12 anos de experiência e centenas de clientes satisfeitos. Aqui terá sempre uma equipa de médicos dentistas especializados em sorrisos, para o aconselhar e acompanhar em todos os tratamentos.

Comentários Recentes

Clinica Dentária Dr. Vitor Oliveira 2017. Todos os Direitos Reservados.

Chinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish
error: Conteúdo está protegido !!