A Carregar. Por favor, aguarde...


Atualizações mensais da Clínica

NOTÍCIAS E INFORMAÇÃO

Saiba aqui tudo o que se vai passando a nível da Clínica Dentária.



A cárie dentária é uma doença comum que afecta quase 90% da população de todas as idades.

Como aparece?

A acção das bactérias da cavidade oral associada a uma alimentação inadequada e a uma higiene oral deficiente, facilita o aparecimento de cáries, podendo levar à destruição parcial ou total do dente.

Quando os alimentos que contêm hidratos de carbono, como os açúcares, bolos, rebuçados, chocolates, gomas…, são ingeridos, as bactérias cariogénicas vão decompô-los e originar ácidos que provocam a dissolução do esmalte dentário e consequentemente levam ao aparecimento de lesões de cárie. Este processo é mais eficaz quando estes alimentos são ingeridos  fora das refeições principais ou à noite antes de deitar.

Como evolui?

O processo de cárie é geralmente lento e o início é marcado pelo aparecimento de uma mancha branca na superfície do esmalte que ao progredir leva à formação de uma pequena cavidade. Assim que esta se forma, as bactérias têm acesso à camada subjacente ao esmalte – dentina- que é um tecido menos duro e por isso dissolve-se mais rápidamente pelos tais ácidos produzidos pelas bactérias.

Durante as fases iniciais da cárie não são detectados sintomas. No entanto, em fases mais avançadas as queixas podem passar por um desconforto com aumento de sensibilidade e mau hálito, ou mesmo dor na presença de diferentes tipos de estímulos (quente, frio ou doce). Pode ainda notar o aparecimento de uma dor espontânea muito intensa, quando a cárie já progrediu e atingiu a dentina, originando sintomas cada vez piores à medida que vai ficando mais profunda e mais próxima do nervo dentário.Como sei se tenho cáries dentárias?

A detecção de cáries numa fase inicial não é fácil e normalmente só consegue ser realizada por médicos dentistas. No entanto, se notar alguma alteração de cor, como manchas brancas, amareladas, acastanhadas ou pretas nos seus dentes, ou, se ao passar o fio dentário ele ficar preso ou esgaçar, deverá ser observado(a) pelo médico dentista.

No caso de notar uma cavidade ou a ausência de uma parte do dente, muito provavelmente terá uma lesão de cárie dentária já avançada.

Como posso prevenir ou evitar a cárie dentária?

  • Realizar uma higiene oral diária correcta, não esquecendo a língua, a gengiva e as mucosas;
  • Escovar os dentes pelo menos duas vezes ao dia com uma pasta com flúor após as refeições;
  • Passar o fio dentário entre os dentes pelo menos uma vez por dia, idealmente à noite;
  • Fazer uma alimentação equilibrada e evitar o “petiscar” entre refeições;
  • Se não for possível a escovagem após uma refeição principal, pode mascar uma pastilha elástica sem açúcar. No entanto, as pastilhas nunca substituem a escovagem!
  • Visitar o seu médico dentista regularmente.

logotipobanner drvitordemo2aasmall

Localizada no centro de Valença, a Clínica Dentária Dr. Vítor Oliveira tem mais de 12 anos de experiência e centenas de clientes satisfeitos. Aqui terá sempre uma equipa de médicos dentistas especializados em sorrisos, para o aconselhar e acompanhar em todos os tratamentos.

Comentários Recentes

Clinica Dentária Dr. Vitor Oliveira 2017. Todos os Direitos Reservados.

Chinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish
error: Conteúdo está protegido !!